ABESC

Restrições de trânsito

Alterações das restrições de trânsito em São Paulo

Desde que saiu o decreto com as restrições de trânsito para caminhões no final do ano passado, incluindo os veículos de concretagem e concretagem-bomba, a ABESC e outras entidades como o sindicato dos transportadores de carga (Setcesp), entraram em contato com a prefeitura e com o Sinduscon-SP pedindo a reavaliação dessa restrição, uma vez que prejudicaria as empresas que prestam esse tipo de serviços.

Durante os últimos três meses, o engenheiro Arcindo Vaquero y Mayor reuniu-se com autoridades afim de esclarecer a necessidade das companhias de concretagem em circular durante horários comerciais. “A verdade é que se houver essa proibição para os veículos de concretagem, o que vai acontecer é que nas obras que prestamos serviços, haverá a necessidade em fazer o concreto no local, ou seja, as pessoas vão começar a comprar pilhas de areia, brita, cimento etc e empilhar nas calçadas, em espaços públicos e isso causa um transtorno ainda maior para todo mundo, afirma o presidente da ABESC.

Confira as alterações: